Secretaria Municipal de Saúde informa que, depois dos professores, vacinação será aberta para público geral, começando com pessoas de 59 anos

Moradores de Belo Horizonte com 59 anos de idade podem ser convocadas para serem vacinadas contra a Covid já na próxima semana, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. Mas o início da imunização está condicionado à chegada de mais doses.

“Para a ampliação do público e abertura de grupos é imprescindível que novas remessas de vacinas sejam entregues pelo Ministério da Saúde”, afirmou a pasta, acrescentando que as informações do público elegível para a vacinação, assim como as pessoas que receberam a primeira e segunda dose da vacina contra a Covid-19, estão disponíveis no portal da prefeitura.

Nesta quinta-feira (3), Minas Gerais recebeu 62 mil doses de vacinas da Pfizer. A carga é um complemento da 22ª remessa de vacinas que chegou ao Estado nessa quarta-feira (2), com 588.500 doses da Astrazeneca. Nas redes sociais, antes da chegada dos imunizantes em Minas, o governador Romeu Zema (Novo) comentou o assunto.

Neste fim de semana

Neste momento, o foco do processo de imunização está sobre os profissionais da educação, que são o público-alvo até o fim desta semana. Nesta sexta (4) e neste sábado (5), devem ser vacinados os professores e trabalhadores que atuam no ensino superior.

O último balanço da PBH indica que mais de 31.300 profissionais da educação já foram vacinados na capital mineira. A estimativa é que existam cerca de 31 mil trabalhadores da educação infantil, 21 mil do ensino fundamental, cerca de 2 mil do ensino médio e cerca de 13 mil do ensino superior. Esses profissionais estão sendo imunizados com doses da Astrazeneca.

Público já vacinado

Até o momento, 42% da população adulta de Belo Horizonte já recebeu a primeira dose. Pouco mais de 19% já está imunizada com duas aplicações da vacina.

Fonte: O Tempo